NOTÍCIAS

Marquinho Arruda cobra da Sabesp solução para a falta de água em Maylasky, Carmo e Vila Vilma

Marquinho Arruda: “não aceitaremos qualquer desculpa que por ventura a Sabesp venha a dar”

Assessoria de Imprensa Câmara de São Roque

O vereador Marquinho Arruda tem recebido diversas reclamações sobre a falta de água no distrito de Maylasky e nos bairros do Carmo e Vila Vilma.

Como forma de cobrar um posicionamento da Sabesp e também buscar a resolução definitiva do problema, Marquinho Arruda protocolou na Câmara Municipal da Estância Turística de São Roque o ofício (550/2021),

“Infelizmente os moradores do Carmo, Maylasky e Vila Vilma estão enfrentando a falta de água com frequência. Essa situação precisa ser resolvida com agilidade, porque água é primordial para a existência humana e os munícipes das referidas localidades, em especial os idosos e enfermos, não podem ser prejudicados pela Sabesp”, disse.

Informou que todas as vezes em que cobrou a Sabesp recebeu respostas relacionadas a problemas técnicos que inviabilizaram o fornecimento.

“As pessoas não ficam sem água por horas, mas sim durante vários dias e isso não pode ocorrer. Claro que falhas acontecem, porém a Sabesp precisa regularizar o fornecimento com rapidez, para que a população não fique desassistida”, ressalta.

Arruda esclarece que outro ponto é a falta de comunicação da empresa com a população, porque não avisa com antecedência que o fornecimento será interrompido.

“Não aceitaremos qualquer desculpa que porventura a Sabesp venha dar. Queremos é o acesso ao planejamento deles e aguardamos o chamamento para uma reunião. Inclusive até nos disponibilizamos a tomar algumas decisões em conjunto. Não poderemos mais é aceitar esse descaso da Sabesp com os moradores do Carmo, Maylasky e Vila Vilma. Enfatizo que se for preciso adotaremos medidas judiciais para que a população volte a ter o abastecimento de água regularizado”, finalizou.

Programa Linha Aberta

Arquivos

CATEGORIAS