Polícia Militar prende quadrilha de roubo de carga em São João Novo

 

Policiais militares prenderam uma quadrilha que roubou um caminhão frigorífico com carga e que mantinha o motorista como refém em uma chácara no Bairro Garcia, em São João Novo.

A ocorrência contou com o helicóptero Águia da Policia Militar e diversas viaturas e começou quando a empresa responsável pelo monitoramento do veículo comunicou que tinha perdido o contato com o motorista.

Caminhão carregado de carne é recuperado pela PM. Fotos divulgação

A partir da informação da última coordenada do GPS a procura começou na região do limite de São Roque com Araçariguama. As coordenadas não eram precisas e a região é coberta de mata.

Ao abordar um veículo que deixava uma chácara, o motorista com roupa de açougueiro disse  que apenas teria ido pegar uma carga de carne. No entanto, acabou confessando o roubo.

Na chácara foram encontrados o caminhão, a carga roubada e o motorista que estava amarrado e com os olhos vendados.

O caminhão e o motorista foram localizados em uma chácara no Bairro Garcia, em São João Novo

Algum tempo depois outro veículo com dois homens foi abordado no momento que retornavama para a chácara.

Foram detidas quatro pessoas sendo que dois deles foram reconhecidos pela vítima. Um reside em Cotia e outro em Osasco.

Um homem será investigado e uma mulher averiguada. Os criminosos responderão por roubo, cárcere privado e recepção.

Caminhão foi conduzido até a Delegacia de São Roque

Celulares e armas apreendidos pela Polícia Militar

Um comentário em “Polícia Militar prende quadrilha de roubo de carga em São João Novo

  • 23 de fevereiro de 2018 em 18:59
    Permalink

    Bairro em sao joao novo tá sofrido especialmente na vila são Julião onde uma rua que para prefeituma se consta como asfaltada está na verdade abandonada as crianças estão perdendo o direito de ir a escola em segurança com a perua escolar pois as condições da estrada é um lixo aí Senhor prefeito o senhor pode nos ajudar ou não

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *