Os 70 anos de vida do Estrela do Bairro do Marmeleiro por Adair Ribotta

 

O objetivo e o pensamento positivo de um grupo de jovens na década de 1940, entusiasmados com o esporte, agregados ao desejo do lazer integrante nas suas vidas, tiveram a finalidade de criar um clube de futebol de maneira organizada em espaço próprio no bairro onde moravam.

Imaginem, o bairro do Marmeleiro não era tão povoado como hoje, era cortado pelo leito da ferrovia da Estrada de Ferro Sorocabana e tinha um ponto conhecido como Parada do Britador onde hoje é a Vila São Rafael e o Jardim Brasília.

Adair Ribotta fala dos 70 anos do Estrela no programa Linha Aberta da Rádio Coluna de São Roque FM 87,5

 

A estrada interestadual São Paulo-Paraná não era asfaltada, agora em término de ampliação é denominada Raposo Tavares.

E esse grupo de jovens se reuniu no lendário Restaurante do Piroli, que na época tinha uma bomba de gasolina em frente ao estabelecimento, e que era ponto final da empresa Viação Manoel Costa, que tinha um coletivo conhecido como jardineira que servia a comunidade do bairro.

Esses rapazes pertenciam às famílias pioneiras do bairro: Aldigheri, Ribotta, Pereira, Zumkeller, Chiquetto, Ferro, Trap, Schoenacker, Teixeira, Santos, Munhoz, dona Maria Portuguesa, seu Conrado da Banda.

E dessas famílias vieram Paulino Pereira, Carlito Ribotta, Juju Zumkeller, os irmãos Tico e Cabão, Kola, Cide, Fuzilão, Adão Lúcio, Oscar Bigode, João de Candinha, Rodolfo Macarrão, Varde, Mingu, Cassinho, Cido, Carmindão, Gatão, Cartucho, Tico, Zico e Zeca e por aí vai uma infinidade.

Em 21 de maio de 1947, surgiu o glorioso Estrela F.C. que tinha seu campo na estrada que dava acesso à Pedreira Bela Vista, conhecida como Pedreira Walter.

E nas tardes de domingo jogava com a presença obrigatória das famílias, constituídas de senhoras, moças, idosos, criançada, simpatizantes da torcida do time que tanto se orgulhavam.

Neste fim de semana, dias 20 e 21 (sábado e domingo), o glorioso Estrela F.C. estará fazendo aniversário. O festival programado foi adiado por conta das chuvas, mas em breve a diretoria irá confirmar uma nova data.

Quanto ele ocorrer prestigie com a sua presença no campo que fica com frente para a Rodovia Raposo Tavares, prestando sua homenagem aos antepassados fundadores, atletas, dirigentes, simpatizantes nesses logos tempos, que estarão comemorando os 70 ANOS DE VIDA do honrado Estrela F.C. do nosso querido bairro do Marmeleiro.

Texto Adair Ribotta

PROGRAMAÇÃO DO FESTIVAL 70 ANOS DO ESTRELA

Por conta das chuvas que atingiram a região a partir da madrugada de sexta-feira (19), o Festival de Aniversário previsto para o final de semana (20 e 21 de maio) teve que ser adiado. Abaixo os jogos que estavam programados e que agora aguardam a confirmação da diretoria.

Sábado (20 de maio)

09h30 – Estrela x Esperança (Barueri) – cinquentão

10h30 – Paulistano x Leão do Morro – cinquentão

12h10 – Vila Nova x Show de Bola (Jandira) – veterano

13h50 – Bar do Gerson x Canguera – veterano

DOMINGO (21 de maio)

08h30 – São Rafael x New Sport (Itu) – amador

10h30 – Estrela x Canalhas (Valo Velho-SP) – veterano

12h10 – Vila Nova x Atletas de Cristo (Piraporinha) – amador

13h50 – Estrela x Posto BR (Cotia) – amador

CHUVA ADIA FESTIVAL QUE ESPERA NOVA DATA

PARA RECORDAR O ESTRELA DOS ANOS 60

Em pé. Nho Liso, Cido, Cará, Giló, Fernando e Ticão. Agachados: Zico, Zeca, Carmindão, Jura e Gatão

ÁLBUM DE FIGURINHAS

Cido

Nho Liso

Cará
Giló
Fernando
Ticão
Zico
Zeca
Carmindão
Jura
Gatão

 

2 comentários em “Os 70 anos de vida do Estrela do Bairro do Marmeleiro por Adair Ribotta

  • 13 julho, 2017 em 17:06
    Permalink

    Parabens ao Estrela. Fiz grandes amigos ai na epoca de 80 e o prazer de conhecer o Carmindao.

    Resposta
  • 19 maio, 2017 em 16:14
    Permalink

    Parabéns ao Estrela F.C. clube pelo qual tenho muito carinho, pois foi a primeira equipe que defendi quando cheguei à São Roque, na década de 60/70, eu joguei no 2º quadro que na época eram os garotos juvenis, meu treinador foi o saudoso Valdecir Gonçalves. O primeiro time com essas feras (Nho Liso, Zico, Zeca, Carmindão, Fernando) era muito forte, tive a honra de jogar om alguns deles, saudades!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *